Como encontrar esperança no amor de Deus depois de pecar

Como cristãos, como lutamos contra a culpa de baixo grau com a qual muitos de nós caminhamos por causa de nossos erros pecaminosos? Existe alguma esperança para a nossa história cristã?

Arrependimentos por escolher o pecado

Se formos realmente honestos, às vezes escolhemos o pecado não porque somos tão seduzidos contra nossa vontade, mas porque desejamos seu fruto proibido.

Você já sentiu a dor da santificação incompleta? Aquela tristeza e culpa que vem do desejo de honrar Jesus com suas ações, mas a ausência de perfeição deste lado do céu? Eu tenho. Eu sinto isso com frequência.

Para onde vamos em busca de esperança depois que pecamos e a dor dos desejos duplos sufoca a esperança de nossos corações?

Um dos Salmos mais doces para minha alma quando sinto o desespero de meu próprio pecado é o Salmo 103. Encorajo você a lê-lo por completo por conta própria, mas vou delinear alguns versículos abaixo:

Bendizei ao Senhor , ó minha alma,

e não te esqueças de todos os seus benefícios,

3 que perdoa toda a tua iniquidade,

que cura todas as tuas doenças,

4 que redime a tua vida da cova,

que te coroa com amor e misericórdia inabaláveis

Escrituras para os culpados

Este salmo do dia é para quando você se sente sujo, envergonhado, envergonhado por causa de seus pecados. O senhor perdoa toda a sua iniquidade.

Observe a palavra todos . Não há nenhuma cláusula de exceção aqui. Cada. Pecado. Período. Perdoado. Você pode permitir que o Senhor tire o fardo de seus pecados de suas costas? 1 João 1:9 diz que se confessarmos nossos pecados, ele é justo e fiel para nos perdoar de todos os nossos pecados.

Leia também:  Como limpar uma banheira em 8 etapas fáceis

Como encontrar esperança no amor de Deus depois de pecar?

Deus se deleita em perdoá-lo. Deus pode e o perdoa de seus pecados. Se você os confessar a Ele. Ele tirará esse fardo de cima de você, se você permitir.

Você não apenas está perdoado, mas do poço em que se meteu, Deus o redimirá. (versículo 4) E você não apenas é perdoado, redimido de sua própria confusão, mas também é coroado com amor e misericórdia inabaláveis. Isso é impressionante.

Embora eu tenha pecado contra Deus e menosprezado seu nome. Embora eu não tenha confiado Nele. Embora eu tenha cuspido em Seu rosto com minha rebelião. Ele é carinhoso comigo. Ele não me odeia. Ele não vai me distanciar por causa dos meus pecados.

Ele é misericordioso comigo. Ele me coroa com amor e misericórdia inabaláveis. Jesus recebeu uma coroa de espinhos, embora merecesse uma coroa de glória.

Recebo uma coroa de gentileza e misericórdia, embora merecesse a coroa de espinhos. Deixe que isso penetre quando você se perguntar se Deus realmente o ama depois que você pecou.

Encontrando o equilíbrio entre o ódio ao pecado, mas não o ódio a si mesmo

Para muitos de nós, lutamos para encontrar o equilíbrio entre conhecer o peso de nosso pecado feio e também saber o quanto somos amados, apesar de nosso pecado.

Estes parecem contradições. Se queremos ver nossos pecados tão ruins quanto eles são, sentimos que não podemos aceitar o perdão porque parece que isso está ensinando nosso pecado ou abusando da graça.

Mas se pensarmos em nossos pecados como pesados, nos perguntamos como a graça atua nisso. Deus está bravo conosco e gritando? Odiando-nos por um período até nos recompormos, então somos perdoados? Como devemos entender essa aparente contradição entre a graça e a seriedade com que Deus vê nossos pecados?

Leia também:  6 dicas para fazer as injeções de botox durarem mais

O SENHOR é misericordioso e misericordioso,

lento para a ira e abundante em amor constante.

Vamos à cruz, pois ali encontramos a realidade – e essa realidade resolve a aparente contradição. Aí vemos quão feios e pesados ​​são nossos pecados. Não é apenas porque agimos mal, negligenciando algum padrão abstrato de moralidade, mas porque nos rebelamos contra Deus.

É isso que torna o pecado tão mau. Com quem cuspimos em seu rosto. Seguimos nosso próprio caminho dizendo: “Não me importo com o que você diz, Deus, sei o que é melhor para mim”.

E corremos para a pornografia, sexo fora do casamento, egoísmo, ganância, preguiça, fofoca, trapaça, linguagem grosseira, ídolos. À medida que corremos para essas coisas, fugimos de Deus, Aquele que apenas nos amou e fez o que é melhor para nós.

Contra quem pecamos?

Para entender o peso de nossos pecados, devemos reconhecer que nossos pecados são contra Deus – e que Jesus está na cruz por causa deles. Meu pecado colocou Jesus na cruz. Meu pecado cravou os pregos em Suas mãos. O pecado não é pequeno.

É uma proclamação ativa de que não me importo com Deus ou sua autoridade sobre minha vida.

Mas observe, quem está recebendo o castigo por nossos pecados na cruz? Não somos nós. É Jesus. Observe isso. À medida que vemos a maldade de nosso pecado, a beleza da graça e do perdão de Deus se torna cada vez mais clara. Uma dívida de $ 50.000 paga em seu nome é alucinante.

Uma dívida de $ 100.000 paga em seu nome, mesmo que você tenha enganado a pessoa que a pagou, é inacreditável. Quanto mais a dívida que seus pecados causaram, paga com o sangue de Jesus? O Senhor é misericordioso e gracioso.

Leia também:  O que significa orar com autoridade?

Deus é misericordioso

Porque? Porque o amor Dele por você nunca foi dado com base na sua bondade. Ele amou você, quis você e enviou Seu filho para morrer por você enquanto você era rebelde.

Ele não vai te deixar agora. Há uma enorme esperança para você, cristão batalhador. Continue voltando para a cruz. Àquele que não nos trata segundo os nossos pecados, mas abunda em constante (longanimidade) amor e misericórdia.

Confiando em Jesus para cobrir todos os meus pecados com você.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *